Artigos New Cash Tutoriais

Explicando o que é o Bitcoin para iniciantes

A equipe da New Cash https://newc.com.br/ oferece mais uma tradução à comunidade interessada em Bitcoin e Criptomoedas de língua portuguesa. Desfrutem:

Explicando o Bitcoin para quem ainda nada sabe a seu respeito

maçã

Estamos sentados em um banco do parque. É um lindo dia.

Eu tenho uma maçã comigo. Eu dou a maçã a você.

Você agora tem uma maçã e eu tenho zero.

Isso foi simples, certo?

Vamos ver de perto o que aconteceu:

Minha maçã foi fisicamente colocada em sua mão.

Você sabe que aconteceu. Eu estava lá. Você estava lá. Você tocou a maçã.

Não precisamos de uma terceira pessoa para nos ajudar a fazer a transferência. Nós não precisamos chamar o tio Tommy (que é um juiz famoso) para sentar conosco no banco e confirmar que a maçã foi de mim para você.

A maçã é sua! Eu não posso dar essa maçã a outra pessoa porque eu não tenho mais a posse dela. Eu não mais controle sobre isso. A maçã deixou de ser minha posse completamente. Você tem controle total sobre essa maçã agora. Você pode dar ao seu amigo se quiser, e então esse amigo pode dar para o amigo dele. E assim por diante.

Então, é assim que uma troca de pessoa para pessoa (p2p) se parece. Eu acho que é realmente o mesmo, se eu estou te dando uma banana, um livro, ou dizer um quarto, ou uma nota de um dólar…

Mas já estou me adiantando.

De volta às maçãs

Agora digamos, eu tenho uma maçã digital. Aqui está a minha maçã digital.

maçã digital

Ah! Agora fica interessante.

Como você sabe que aquela maçã digital que costumava ser minha, agora é sua e só sua? Pense nisso por um segundo.

É mais complicado, certo? Como você sabe que eu não enviei essa maçã para o tio Tommy como anexo de e-mail primeiro? Ou seu amigo Joe? Ou minha amiga Lisa também?

Talvez eu tenha feito algumas cópias daquela maçã digital no meu computador. Talvez eu tenha colocado a minha maçã digital na internet e um milhão de pessoas a baixaram.

Como você vê, essa troca digital pode ser um problema. O envio de maçãs digitais não se parece com o envio de maçãs físicas.

Alguns cientistas inteligentes da computação realmente têm um nome para esse problema: ele é chamado de “problema do gasto duplo”. Mas não se preocupe com isso. Tudo o que você precisa saber é que esse problema os confunde há algum tempo e eles nunca tinham resolvido isso.

Até agora.

Mas vamos tentar pensar em uma solução por conta própria.

Livro-razão

livro razão

Talvez essas maçãs digitais precisem ser rastreadas em um livro. É basicamente um livro onde você rastreia todas as transaçõesum livro de contabilidade.

Esse livro, já que é digital, precisa viver em seu próprio mundo e ter alguém encarregado dele.

Digamos que assim como o jogo World of Warcraft, ou Blizzard, os caras que criaram o jogo online, têm um “livro digital” de todas as raras espadas flamejantes que existem em seu sistema fantástico. Então, legal, alguém como eles poderia acompanhar nossas maçãs digitais, não é?

Incrívelresolvemos isso!

Problemas

Há um problema, no entanto:

1) E se algum cara da Blizzard criou mais maçãs digitais? Ele poderia apenas adicionar um par de maçãs digitais ao seu saldo sempre que ele quisesse mais maçãs!

2) Não é exatamente como quando estávamos no banco naquele dia onde estávamos só você e eu. Passar pela Blizzard é como atrair o tio Tommy (um terceiro) para todas as nossas transações comerciais.

Como posso simplesmente entregar minha maçã digital para você, tipo, você sabeda maneira usual, de pessoa para pessoa?

Existe alguma maneira de replicar digitalmente a nossa transação de banco do parque, apenas você e eu? Parece muito difícil …

A solução

blockchain-3330531_1280

E se nós dermos este livro-razão para todas as pessoas? Em vez do livro-razão que vive somente em um computador da Blizzard, ele vai viver nos computadores de todos. Todas as transações entre as maçãs digitais que já aconteceram, de todos os tempos, serão gravadas nela.

Você não poderia enganar ninguém. Eu não conseguiria enviar-lhe maçãs digitais que não tenho, porque então isso não estaria sincronizado com todas as pessoas no sistema, e todos saberiam quais maçãs digitais eu tenho e quais não. Seria um sistema difícil de burlar. Especialmente se ele fosse muito grande.

Além disso, se o sistema não fosse controlado por uma pessoa apenas, então não haveria ninguém que pudesse decidir dar a si mesmo (ou a algum amigo) mais maçãs digitais. As regras do sistema já teriam sido definidas no início. E o código e as regras de todas as trocas são de “código aberto”. Está lá disponível para as pessoas inteligentes contribuírem, manterem, protegerem, melhorarem e verificarem todas as transações.

Você também pode participar dessa rede e atualizar o livro-razão e verificar se tudo foi feito de acordo. Para essa tarefa, você até poderia obter 25 maçãs digitais como recompensa. Na verdade, essa é a única maneira de criar mais maçãs digitais no sistema.

Eu simplifiquei bastante

… Mas esse sistema que expliquei simplificadamente já existe. É chamado de protocolo Bitcoin. E essas maçãs digitais são os “bitcoins” dentro do sistema. Chique!

Então, você viu o que aconteceu? O que o livro-razão público permite?

1) É código aberto, se lembra? O número total de maçãs foi definido no livro-razão público no início. Eu sei a quantidade exata de maçãs digitais que existe dentro do sistema, sei que são limitadas (escassas).

2) Quando eu faço uma troca agora sei que a maçã digital certificadamente deixou minha posse e agora é completamente de outro. Eu costumava não ser capaz de dizer isso sobre coisas digitais. Mas agora o saldo de maçãs será atualizado e verificado pelo livro-razão público e ninguém poderá enganá-lo.

3) Por ser um livro público, não precisei do tio Tommy (de terceiros) para ter certeza de que não enganei, nem posso fazer cópias de maçãs extras para mim, nem de enviar maçãs duas ou três vezes para diferentes pessoas …

Dentro do sistema, a troca de uma maçã digital é agora como a troca de uma maçã física. Agora ele é tão eficaz quanto ver uma maçã física soltar minha mão e cair no seu bolso. E assim como no banco do parque, a troca envolveu apenas duas pessoas. Você e eunós não precisávamos do tio Tommy para torná-lo válido.

Em outras palavras, a transação digital se comporta como se fosse física.

Mas você sabe o que é mais legal? Ainda é uma transação digital. Agora podemos lidar com 1.000 maçãs, ou 1 milhão de maçãs, ou até .0000001 maçãs. Eu posso enviá-lo com um clique de um botão, e eu ainda posso soltá-lo no bolso digital de outra pessoa ainda que eu estivesse na Nicarágua e ela estivesse em Nova York.

Eu posso até fazer outras “coisas digitais” rodarem em cima dessas “maçãs digitais”! É tudo digital. Talvez eu possa anexar algum textouma nota digital. Ou talvez eu possa anexar coisas mais importantes; como dizer um contrato, ou um certificado de ações, ou um cartão de identidade …

Então isso é ótimo! Como devemos tratar ou valorizar essas “maçãs digitais”? Eles são bastante úteis, não são?

Bem, muitas pessoas estão discutindo sobre isso agora. Há um debate entre esta e aquela escola econômica. Entre os políticos. Entre programadores. Contudo, não dê razão a todos eles. Algumas pessoas são espertas. Algumas estão mal informadas. Alguns dizem que o sistema vale muito, outros dizem que vale realmente zero. Um cara realmente colocou um número difícil: US $ 1.300 por maçã. Alguns dizem que é ouro digital, uma moeda. Outros dizem que são como as tulipas que um dia foram supervalorizadas e depois vieram a cair demais em preço. Algumas pessoas dizem que isso mudará o mundo, alguns dizem que é apenas uma moda passageira.

O que importa é que agora você sabe mais sobre o Bitcoin do que a maioria das pessoas.

Fonte: https://medium.freecodecamp.org/explain-bitcoin-like-im-five-73b4257ac833