Artigos Bitcoin New Cash

A Viabilidade do Bitcoin como moeda para uma Grande Economia.

Foi difícil começar a escrever esse texto, porque, francamente, é difícil saber por onde começar.

Eu tenho uma lista de tópicos sobre os quais quero escrever e este foi impulsionado várias vezes por tweets dos chamados “OG’s” (entusiastas do Bitcoin que conheceram a moeda desde seu início e acham que o Bitcoin pode resolver todos os problemas econômicos do mundo). Eles saúdam a nova era do bitcoin como a moeda de reserva global e mais importante ainda especulando sobre algum país que realmente passe a usá-lo como um substituto para sua moeda fiduciária. “Dinheiro saudável”, por assim dizer.

Pra mim, isso é muito sem sentido e seria uma péssima ideia. Para explicar isso, tentarei lançar alguma luz sobre o que aconteceria em um mundo que usasse somente bitcoin.

A Grande Depressão foi causada pela incapacidade do FED (banco central americano) de aumentar a oferta monetária durante a recessão.

Há pelo menos seis teorias econômicas diferentes explicando como a Grande Depressão nos EUA surgiu. Apenas um deles, a “Escola Austríaca”, culpa o FED por EXPANDIR a oferta monetária anteriormente à Grande Depressão. A explicação é algo assim:

O FED expandiu tanto a base monetária na década de 1920 que levou a um boom de crédito insustentável. Por causa disso, a depressão econômica que se seguiu foi uma correção natural e inevitável.

Apesar de ser uma visão de nicho no mundo real e todas as outras explicações funcionarem muito melhor à luz dos dados, por algum motivo essa visão é a visão principal na criptosfera. Obviamente, ele se encaixa na narrativa tão bem, certo? Afinal, estamos novamente em um momento no tempo em que o FED aumentou massivamente a oferta monetária e assim o próximo resultado deve ser uma Grande Depressão e o bitcoin triunfará como reserva de valor e “dinheiro saudável” quando as pessoas virem a luz.

Agora, aqui está um gráfico log da oferta monetária M2 ao longo do tempo.

Captura de Tela 2019-01-16 às 20.17.33.png

Você notará duas coisas:

1- Um aumento na oferta monetária, como aconteceu na década de 1920, não é de todo incomum. Em vez disso, olhando para o gráfico de log (que tem a vantagem de que um movimento de 10% terá o mesmo tamanho, independentemente de quando ele ocorra), você pode ver que isso é praticamente a norma. Aconteceu, você poderia dizer “o tempo todo”.

2- A única diferença durante a Grande Depressão NÃO foi a expansão da oferta monetária, mas sim a forte contração dela (relativamente falando) que se seguiu a essa expansão. Ou seja, a diferença foi a FALTA dessa expansão em 1929 (quando a depressão começou).

Assim, sem olhar para as centenas de motivos diferentes que podem ser responsabilizados pela Grande Depressão, a única coisa que NÃO resultaria disso (e que nenhuma das outras teorias sugere) é que o aumento da oferta monetária pelo FED foi razão para a Grande Depressão. Eu diria que talvez seja uma condição necessária, mas certamente não é uma razão suficiente.

Agora, se eu disser que é provável que a oferta de dinheiro em expansão tenha sido um fator determinante para a criação de um problema, você não concorda?

Eu gostaria de estabelecer que um possível aprendizado sobre a Grande Depressão é que, se você não aumentar a oferta monetária em uma crise econômica, a recessão pode se tornar uma depressão. Esta, aliás, é a lição que os bancos centrais aprenderam e atenderam em 2007/08. Você realmente acha que foi tão ruim, só porque você não recebeu juros sobre seus depósitos bancários? Pode muito bem ter evitado uma depressão e os banqueiros centrais, na verdade (surpresa!), tentam aprender com os erros do passado para tornar a vida melhor, e não pior!

A razão pela qual o FED não conseguiu aumentar a oferta monetária na Grande Depressão em 1929 foi o padrão ouro.

Agora que estabelecemos que é pelo menos uma conclusão bastante razoável da Grande Depressão que a falta de estímulo monetário desempenhou um papel importante em transformar um ciclo normal de baixa nos negócios em uma depressão, vejamos por que não houve estímulo monetário.

A resposta é simples: o padrão-ouro impediu que o banco central imprimisse dinheiro e fornecesse esse estímulo salva-vidas.

Na década de 1920, o FED foi obrigado a lastrear 40% em barras de ouro reais de todas as notas que circulavam nos EUA. A fim de aumentar ainda mais a oferta monetária, eles teriam que ter mais ouro. Como eles não tinham mais ouro e as pessoas começaram a acumular ouro como resultado dessa política, a oferta monetária diminuiu.

Foi a Lei da Reserva do Ouro de 1934, que nacionalizou todo o ouro e desvalorizou o dólar em relação às suas reservas de ouro em 40%, o que finalmente permitiu que a oferta monetária voltasse a subir e acabou com a Grande Depressão. Sim, eu entendo totalmente que os ativos emitidos pelo Estado são o pesadelo de qualquer entusiasta das criptomoedas. E eu também entendo que o orçamento da defesa associado à 2ª Guerra Mundial fez sua parte, mas esse não é o meu ponto.

Meu argumento é que, como a moeda nacional foi atrelada a um ativo raro e deflacionário, os bancos centrais não conseguiram impedir que uma recessão se transformasse em depressão.

Se um país realmente mudasse suas moeda para o bitcoin como moeda nacional, esse país abandonaria uma das duas ferramentas para estimular a economia (política monetária) e provavelmente também a segunda (política fiscal)

Agora, vamos supor que o bitcoin se torne a nova moeda nacional dos EUA, como o mundo cripto parece esperar/desejar. Quais seriam as consequências?

a) Bitcoin iria valorizar no infinito versus o USD

Viva! Nós chegamos à lua! Só que isso não importa. Dado que o dólar americano é inútil, você provavelmente não tem mais um emprego, nem nada para comer e enquanto você administrou a crise melhor do que o seu vizinho, você tinha um pouco de bitcoin e ele não, mas realmente não é uma imagem bonita. Sua arma é provavelmente mais valiosa do que qualquer bitcoin que você possui agora.

b) Os EUA seriam incapazes de estimular a economia fornecendo mais dinheiro para ela

O sonho dos entusiastas das criptomoedas aconteceu. O terrível FED que tentou tudo o que podia para impedir 2007/08 para se transformar em uma depressão (e conseguiu) não existe mais. Agora, quando o ciclo se torna negativo, a ferramenta para estimular a economia não está mais disponível. Noto que esta foi a ferramenta que acabou com a Grande Depressão em 1929. Ela já não existe mais agora

c) Os EUA seriam incapazes de estimular a economia assumindo dívidas e gastos (estímulo fiscal).

Dado que tudo agora é precificado em bitcoin, os EUA não podem emitir mais do que já existem. Há uma economia em depreciação, com rendimentos de impostos cada vez mais baixos, os credores que provavelmente não querem se desfazer de seu precioso bitcoin para emprestar a um país em dificuldades estão pesarosos. O governo assistirá impotente do lado de fora, enquanto a economia se transforma em baixa atrás de baixa, até que provavelmente enfrentemos uma revolução.

Então, sim, isso pode ser um pouco negativo da minha parte e também percebo que estou fazendo cortes aqui, mas os cenários acima são os prováveis  e os ​​criadores de políticas (lembre-se, independentemente do que você pensa da Democracia em geral, estes ainda são seus representantes eleitos) devem pensar neles ao pensar em tornar o bitcoin sua moeda. Portanto, independentemente de quanto o valor do bitcoin ou do ouro suba em termos de preço, o retorno a um estrito padrão-ouro ou padrão bitcoin é puro suicídio econômico. Isso não vai acontecer (conscientemente). Nem você deve estar torcendo para que isso aconteça. Honestamente. Nós, o povo, seríamos roubados dos dois mecanismos para estimular uma economia.

Num país que funcionasse com bitcoin, outros problemas persistiriam

Ignorando todos os ítens acima e apenas pretendendo que tudo que eu disse é errado e míope, vamos olhar para as outras conseqüências de viver em um mundo com uma moeda deflacionária E essa moeda sendo o bitcoin. Aqui estão as principais conquistas que conquistamos:

• Nenhum seguro sobre os depósitos

Sim, os bancos de hoje podem ser hackeados (não, isso não é certeza, e você pode ter uma blockchain centralizada integrando muitos bancos, empresas ou governos – mas eu discordo) e o Bitcoin talvez seja mais seguro, mas considere que SE seu banco for hackeado, você ainda poderia processá-lo. Se fosse um banco realmente grande, o governo provavelmente o resgataria em seu seguro de depósito. Lembre-se de que eles sempre podem ser fiéis a essa palavra, já que o banco central, como último recurso, imprimiria o dinheiro para pagar o resgate.

Em um mundo rodando em bitcoin, você perde esse seguro. Você pode perder seus ativos porque um bug no código passou a permitir gastos duplos (por exemplo, depois de um hard fork), porque o governo chinês decidiu encontrar todas as fazendas de mineração observando o uso da eletricidade e usando a força militar para fazer ataque de 51% e atacar o bitcoin ou porque você perdeu o fork mais recente e não atualizou sua rede corretamente. Isto é, além do risco de perder suas chaves privadas, que ninguém (nem seu banco, nem sua organização de custódia) pode resolver para você. Você terá muito mais controle auto-direcionado sobre o seu dinheiro (que é o que os libertários amam tanto) e isso pode ser uma coisa extremamente positiva quando seu regime é opressivo, mas grande parte do mundo ocidental pode realmente perder mais do que ganhar nesse ponto.

• Você ainda vai ter dívidas, se você pode obter qualquer empréstimo

Suas dívidas não desaparecerão magicamente. Você tem que pagá-las. Mas agora elas são precificadas em bitcoin. Isso tem várias desvantagens.

Pela primeira vez, o bitcoin é a nova moeda deflacionária. Então a moeda realmente ganha em valor versus qualquer coisa que você faz com sua dívida. Então, se você começar um negócio com ela, será mais difícil pagá-la do que antes. Além disso, você pode nem conseguir um empréstimo em primeiro lugar.

Não há literalmente nada que mude em relação à sua dívida. Você ainda tem que pagar por uma boa educação privada, você ainda tem que pagar (e provavelmente endividado) para comprar uma casa e você ainda tem que pagar para obter um produto que você gosta. Nada muda para o seu país, seja em termos da dívida existente. Ainda precisa ser paga de volta. Só que agora em uma moeda que você não pode controlar.

• Conseguir um empréstimo em primeiro lugar será super difícil

Eu aludi a isso acima, mas pense nisso: você quer começar um negócio. Você quer empregar pessoas e contribuir para a economia. Ou você simplesmente quer comprar uma casa (ou mesmo apenas comprar um terreno para construí-la) para sua família.

Hoje, você estaria tomando emprestado o dólar americano. O dólar é um meio de troca, mas não é realmente uma reserva de valor. Isso é por DESIGN. É uma moeda inflacionária, então, se eu tenho muitos dólares, sou incentivado a emprestar ou investir para conseguir um bom retorno sobre os meus ativos.

Agora, se eu tenho bitcoin, uma moeda que é um meio de troca e uma reserva de valor, como ouro – por que eu iria emprestar para você comprar uma casa? Você tem que me oferecer um retorno muito bom, e isso em bitcoin. Dado que o bitcoin aprecia em valor versus sua casa (em média), você terá realmente muito difícil me pagar de volta. Com o tempo, eu simplesmente empresto menos dos meus bitcoins.

O ponto é que a dívida em si não é uma coisa ruim. Muita dívida é ruim. Mas a capacidade de endividar-se é a capacidade de iniciar um negócio (a maioria das empresas chega ao ponto de equilíbrio mesmo somente após 3 anos ou mais) e subir a escada da prosperidade. Com o bitcoin, você provavelmente está simplesmente cimentando a escada que já existe. As pessoas que herdam o bitcoin são os verdadeiros reis. Ninguém pode desafiá-los. Histórias como a Amazon ou o Google serão muito mais difíceis de acontecer (sim, elas ainda podem acontecer, mas seu padeiro autônomo local pode não conseguir crescer).

• O financiamento é resistente à censura

Parece ótimo, certo? É para isso que todos nós usamos criptografia, certo? As regulamentações são ruins, a resistência à censura é o que realmente importa!

Pense nisso um pouco mais, por favor. Quem precisa de acesso resistente a censura para fundos que não exigem AML e KYC? Bem, aqui está quem:

a) Em uma sociedade democrática e não opressiva

Sim, nosso sistema tem problemas. Talvez seja mesmo quebrado. Mas pense bem …

Mas nesse tipo de cenário, os principais usos de um dinheiro resistente à censura são: financiamento de conteúdo extremista que se disfarça de farol de liberdade de expressão (como getongab.com), lavagem de dinheiro, evasão fiscal, manipulação de mercado e para evitar o efeito inflacionário que o dinheiro atual tem. Mas acredite ou não, em uma democracia funcional (ênfase no FUNCIONAL), o governo pode ser capaz de censurar uma rede alternativa realmente perigosa (por exemplo) a partir da restrição de acesso aos fundos e isso é bom.

Acho que desistir dessa capacidade é um preço muito alto a pagar.

b) Em um regime opressivo

A resistência à censura é universalmente positiva neste caso. Nenhuma dúvida sobre isso.

Então, em termos do financiamento sendo resistente à censura, a sociedade em que vivo, atualmente, tem pouco a ganhar com isso. É claro que a necessidade pode mudar e é positivo que exista uma alternativa, mas eu certamente não estou torcendo para que ela se torne necessária (como a maioria dos “OGs” parece estar fazendo).

Então, em resumo …

Um país que não está atualmente usando o padrão ouro nunca faria a escolha consciente de usar o bitcoin como moeda local. Isso os privaria das duas únicas ferramentas que eles têm para estimular a atividade econômica. Isso é um sonho!

Se isso ainda acontecesse “naturalmente”, digamos, por revolução, as conseqüências provavelmente não seriam positivas. Sim, se você mantiver o bitcoin (assim como o ouro) e o sistema em que vivemos entrar em colapso, a menos que todos os outros também possuam esse ativo, você tem uma boa chance de obter riqueza a partir dele. Só sei, porém, que você está fazendo isso nas costas de todos os outros. Na verdade, nada melhora e, como eu disse, sua arma pode ser mais valiosa do que toda a sua bitcoin sem o estado de direito e a imposição da lei.

E sim, estou plenamente ciente do efeito que a automação está tendo nos trabalhos e, portanto, posso ver totalmente um futuro em que uma agitação social derruba o sistema existente e o bitcoin desempenha um papel nele. Mas eu não estou torcendo por isso, porém, que é a grande diferença minha em relação a outras pessoas no espaço das criptomoedas.

Nota bem: para aqueles que dizem “ótimo, então não teremos dívidas e eu não me importo com a mobilidade social que ele possibilita, eu quero entrar em tal mundo”, por favor assista o vídeo (inteiro) de Ray Dalio link abaixo, que explica como funciona a “máquina econômica”. Ray Dalio é possivelmente o macro investidor de maior sucesso de todos os tempos.

https://www.youtube.com/watch?v=PHe0bXAIuk0  (Vídeo em inglês)

Em seguida, pergunte a si mesmo como isso tudo aconteceria sem estímulo monetário ou fiscal. Então, olhe para um gráfico da atividade econômica antes da industrialização. Eu fiz isso por você. O círculo vermelho é o que você terá. Nenhum movimento adiante. Nenhuma transferência de riqueza de nenhuma forma. Os reis serão reis. Sergey Brin, Larry Page, Warren Buffet e Bill Gates nunca existiriam. Parabéns!

Captura de Tela 2019-01-16 às 20.19.12.png
(sim, eu sei que deveria ter sido um gráfico de log, mas não encontrei um)

Para ser absolutamente claro: sou um entusiasta das criptomoedas. Eu acredito que o bitcoin poderia um dia funcionar como um substituto parcial do ouro. Eu vejo uma grande promessa em um banco de dados descentralizado e posso até ver todo o bem que o bitcoin pode trazer para qualquer povo oprimido. O que eu disse acima é muito menos um golpe no bitcoin em si e muito mais uma crítica dos “OGs” das criptomoedas que espalham sua propaganda libertária de nenhuma regulamentação, resistência à censura e hiper-bitcoinização ou “hooray! teremos uma recessão…” e estão sendo aclamados por seus seguidores. Realmente, tudo o que eles estão fazendo é “falar sozinhos”. Eles só dizem tais coisas pois se beneficiam do aumento do preço do bitcoin.

Pense um pouco sobre o que você realmente apoia e vamos construir juntos um futuro para as criptomoedas que seja regulado, saudável e positivo.

Obrigado por ler!

Por último, o importante disclaimer: esta é a minha opinião pessoal, não o meu conselho profissional. Acima de tudo, este não é um conselho de investimento de forma alguma. Os ativos criptográficos podem flutuar amplamente em valor e todo o seu capital pode ser perdido. Eu tenho 50% de chance de estar certo e 50% de chance de estar errado.

Fonte: https://blog.goodaudience.com/bitcoins-viability-as-a-currency-for-a-major-economy-a62cdc8519ff